A época futebolística 2019/20 em Santiago Norte arranca a 21 de Dezembro, disse hoje à Inforpress o presidente da Associação Regional de Futebol Santiago Norte (ARFSN), Anastácio Veiga.


Conforme explicou o líder desportivo, a demora no arranque da temporada na maior região desportiva do país deve-se as dívidas que a ARFSN tem com os árbitros estimada em 1.090 contos.
A associação, segundo disse, está à espera de “luz verde” das seis câmaras municipais da região Norte para poder liquidar tais dívidas com os homens do apito.
No entanto, Anastácio Veiga que lembrou que a ARFSN e as autarquias reuniram-se no mês passado, tendo estes prometido um apoio financeiro para que se possa liquidar as dívidas e evitar interregno no meio do torneio à semelhança dos anos anteriores.
Por tudo isso, a mesma fonte fez saber que o arranque dos campeonatos da 1ª e 2ª divisões, agendados para 21 e 28 de Dezembro, respectivamente, só vai depender desse montante a ser disponibilizado pelos seis municípios.
A 1ª divisão, que deverá terminar a 05 de Abril, por causa do Campeonato Nacional, vai contar com o concurso de 10 equipas e o 2º escalão com 12 formações, mas, a ARFSN diz que ainda são poucos os clubes que já fizeram as inscrições.
É que, segundo a mesma fonte, mesmo com as dívidas liquidas, a não inscrição dos clubes poderá também comprometer o arranque dos campeonatos.
Em relação à Taça Santiago Norte, a ARFSN informou que a mesma este ano não vai marcar a abertura da época futebolística, mas que vai ser disputada ao longo do campeonato.
Inforpress