CAN 2021: Senegal vence o impasse com Watford! Ismaïla Sarr liberado.

África Hits: 428



Depois de não permitir que Ismaïla Sarr se juntasse á selecção senegalesa no estágio de preparação para a 33ª edição do Campeonato Africano das Nações, CAN’2021, marcado para 09 de janeiro a 06 de fevereiro de 2022, nos Camarões, com o pretexto de que tinha uma lesão no joelho, o Watford, da Premier League, acabou por liberar o jogador.


Segundo o jornal Emedia.sn, Sarr é esperado esta terça-feira em Dakar e fará parte do grupo na viagem para os Camarões.

A mesma fonte informa, que o extremo terá um calendário individualizado com o intuito de o colocar pronto para a fase eliminatória, possivelmente para os quartos-de-final, que acontecem nos dias 29 e 30 de janeiro.
“Claro, temos que respeitar as regras e as seleções africanas, mas a prioridade é o estado de saúde do jogador.”, pode-se ler numa nota do clube.

Recorde-se que a Federação Senegalesa (FSF) tinha acusado Watford de utilizar "argumentos falaciosos para bloquear" o jogador, enquanto que os regulamentos da FIFA exigem que um jogador anunciado como indisponível pelo seu clube pode ser avaliado pelos médicos de sua seleção.

Por sua vez, o clube inglês respondeu indicando que estava regularmente em comunicação com a FSF sobre o programa de recuperação de Sarr, com um regresso aos relvados planeado após o CAN.

Contudo, a ameaça de apreensão da FIFA, defendida pelos Leões, foi suficiente para fazer dobrar o clube.

O Senegal está inserido no Grupo B do Campeonato africano e vai estrear-se frente ao Zimbabwé a 10 de janeiro num grupo que conta ainda com a Guiné-Equatorial e o Mali.

ADP
CrioloSports

Print