Stephanie Ribeiro é uma descendente de cabo-verdiano que esta a  brilhar no futebol da Islândia.


Filha de pai cabo-verdiano, Ribeiro, de 26 anos, nascido em Pawtucket, Rhode Island, que reforçou o meio-campo e ataque do Throttur Reykjavik nesta temporada, está empatada para o segundo lugar na lista das melhores marcadoras, com 3 golos em 3 jogos e está na corrida para a bota de ouro.

Ribeiro é ex-estrela do liceu de Cumberland, RI, onde entrou no Onze Ideal do Estado (All-State), liderando a equipa em golos.

No último ano de liceu terminou entre as cinco melhores a nivel nacional em golos e assistências por jogo.

Além de ser nomeada avançada do ano e entrar na primeira equipa da conferência AAC (American Athletic Conference), foi ainda nomeada jogadora ofensiva do Ano.

Atendeu a Universidade de Connecticut (UConn), onde foi incluida  no onze ideal dos EUA

Foi escolhida na segunda ronda, 17ª posição no geral, da draft da NWSL (National Women's Soccer League) pelo FC Kansas City, em 2017.

Entretanto lesionou-se no ACL antes do início da temporada e não conseguiu jogar pelo clube.

Estreou-se como profissional em Grand Bodo da Noruega em 2018, tendo apontado 4 golos em 10 jogos.

Em 2019, ainda em Noruega, passou a representar o Avaldsnes Idrettslag. Devido a lesão (dor nas costas), não conseguiu dar o seu contributo á equipa em campo.

Já recuperada, a época 2020 parece promissora para a jogadora.

ADP
CrioloSports