Ao tomar conhecimento do ocorrido ontem, no Estádio Aderito Sena, no jogo da primeira jornada do grupo B, do campeonato nacional feminino entre o Dorense e o Beira-mar, a Direção da FCF, lamenta a decisão da equipa técnica da equipa do Beira-Mar em ordenar a equipa a abandonar o relvado, numa situação que tal não se justificava, pois, jogou-se nas mesmas condições durante 78 minutos até a lesão da atleta Húria Lima, quando, até tinha, ainda, direito a fazer duas substituições.



Embora seja da responsabilidade das equipas apresentarem, sempre, o staff médico nos jogos (médico e massagista/fisioterapeuta), a Direção da FCF, contudo, reconhece falhas, a nível da organização do jogo, pelo que pede as sinceras desculpas, e tudo fará para suprir as referidas falhas nos próximos jogos. A atleta lesionada, Húria Lima, formula votos de rápida recuperação e manifesta todo o apoio na recuperação.

A Direção da FCF aconselha a todos os agentes desportivos a terem mais ponderação, pois, todos temos o dever na salvaguarda do futebol nacional, mormente o futebol feminino que, ainda, pode – se considerar, que está, em fase de crescimento.
FCF