Cabo Verde vai estar representado nos XII Jogos Desportivos da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), que decorrem de 12 a 22 de Julho do corrente ano em Timor Leste, por uma delegação composta por 75 integrantes.


De acordo com a Direcção-Geral dos Desportos, dos 75 agentes desportivos, estima-se a presença de 52 jovens atletas, nove treinadores, um árbitro, seis dirigentes, dois representantes do Ministério do Desporto, um jornalista e três agentes de saúde.
Segundo o programado, o País vai competir em todas as modalidades, designadamente atletismo (masculino e feminino), atletismo pessoas com deficiência, basquetebol 3×3 (feminino), futebol (masculino), taekwondo (masculino e feminino), voleibol de praia (masculino e feminino) karaté (masculino e feminino), xadrez (masculino e feminino) e ténis de campo (masculino e feminino).
A organização dos XII Jogos Desportivos da CPLP conta ter a participação de 878 pessoas, das quais 486 atletas, 108 técnicos, 81 oficiais, 45 apoios médicos, 18 chefes de delegações e vários órgãos de comunicação social dos países que integram a CPLP.
Cabo Verde já está a preparar esta deslocação na qual a equidade do género deverá estar no centro da composição das selecções nacionais, uma opção do Ministério do Desporto, já socializada com as diversas federações desportivas, no sentido de terem em consideração “o reforço da paridade na missão para os XII Jogos Desportivos da CPLP”.
Como chefe de missão desta delegação foi designada a técnica da DGD Rosária Rodrigues e como chefe da delegação, Adelino Duarte, delegado da DGD na ilha de São Vicente.
Instituídos em 1990, por meio de Acordo Multilateral de Cooperação assinado em Lisboa pelos estados de Angola, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal e São Tomé e Príncipe, os Jogos Desportivos da CPLP foram promovidos, inicialmente como forma de garantir o convívio desportivo entre as várias nacionalidades e fortalecer a comunidade de língua portuguesa.
SR/ZS
Inforpress