O paralímpico internacional cabo-verdiano Marilson Semedo, atleta residência de referência dos desportos adaptados, foi a figura IX Campeonato Nacional Paralímpico (CANADEP’2019) ao conquistar quatro títulos nacionais e aponta como “grande desafio” a qualificação aos Jogos Paralímpicos Tóquio’2020.


Com passagens por vários palcos internacionais, Marilson Semedo, atleta amputado de um membro inferior, revalidou o título nacional no levantamento de peso, categoria 90 kg (halterofilismo ao levantar 130 quilogramas) lançamento de peso (F-47) vólei e basquetebol em cadeiras de rodas em representação de Santiago Sul.
À Inforpress, o atleta mostrou-se “eufórico” pelos feitos alcançados, alegando sentir-se recompensado pelo “muito trabalho individual, esforço, dedicação”, sobretudo nos ginásios em São Domingos, concelho onde reside, e nos treinos livres no Estádio Nacional.
Depois de enaltecer a qualidade da organização neste evento que contou com aproximadamente 100 praticantes de diversos pontos do país (à excepção de São Nicolau e da Brava), Semedo , atleta que tem reforçado o seu curriculum com a conquista de títulos nas provas internacionais, disse que está focado em alcançar os mínimos para atingir os Jogos Olímpicos Tóquio’2020.
Promovido pela Federação Cabo-verdiana do Desporto Adaptado (FECAD) em parceria com o Comité Paralímpico de Cabo Verde o IX Campeonato Nacional Paralímpico (CANADEP’2019) foi realizado sábado e domingo no Estádio Nacional e nas imediações da Quebra Canela e foi considerado “um grande sucesso” pela organização.
Inforpress