Nascido em São Vicente, a 20 Maio de 1966, Amílcar Pedro da Cruz Delgado, iniciou na prática de futebol com apenas 15 anos, pelo Grémio Desportivo Amarante, seu clube de coração.


Permaneceu no Amarante até aos 21 anos , altura que foi para Portugal juntamente com mais 4 jogadores cabo-verdianos , para o Académico de Viseu , com o mister Carlos Alhinho.

Um estremo esquerdo, muito rápido e tecnicamente evoluído, no seu primeiro ano em Portugal, em 1987/88, representou o Académico de Viseu, ajudando o clube na subida à I Divisão Portuguesa de futebol, com 8 golos, embora tenha falhado muitos jogos devido a uma lesão.

Cruz, Nha Kappa, Chico Nikita, Celestino e Jón Bubú faziam parte do plantel da equipa na altura treinada por Carlos Alhinho.

Na época seguinte,  na primeira divisão com o Académico, não jogou muito devido á mesma lesão. Acabou por ser operado.

Em 1989/1990, mudou-se para o Penafiel da primeira divisão. Lesionou-se na pré- época e voltou a ser operado, jogando apenas 6 jogos.

Em 1990/1991, transferiu-se para a União de Lamas, da segunda divisão. Marcou perto de 13 golos.

Em 1991/1992, no Oliveirense da segunda divisão, jogou pouco novamente devido á lesão, marcando 7 golos.

Em 1992/1993, mudou-se para o Barreirense, onde jogou constantemente e apontou muitos golos.

Transferiu-se para Portimonense em 1993, onde permanecau até dezembro de 1997.

Em Janeiro de 1997, foi emprestado ao Sporting de Espinho da primeira divisão. Ficou no clube até junho.

Regressou ao Portimonense e ficou até junho de 2000.

Em julho de 2000 até 2002 representou a  Esperança de Lagos.

Um jogador polivalente, depois de jogar 4 épocas como extremo esquerdo e depois como médio , posição 8, jogou a pela primeira vez a ponta de lança  e apontou 27 golos.

Em Pé: Hélder Cruz, José 'Zé Piguita' Barros, Simão Tavares Semedo 'Lemos', Nelson 'Tchulas' Oliveira, Celestino Mascarenhas, Mário Semedo, Doutor Fernando Almeida, Tony, Finga, Amílcar Delgado, Hermes Cruz e Manuel Antônio Mendes 'Camelo'
Sentados: José Pedro Tavares 'Loloti', Humberto Gomes do Rosário 'Bobs', Anselmo 'Jair' Ribeiro, Polidio 'Pú' Brito, Carlos 'Caló' Morais, Mister Oscar Duarte, Eduardo 'Vargas' Fernandes, Artur Jorge Vicente, Paulo Adilson Cruz 'Dixinha' e Pedro 'Bubista' Brito.

Internacional por Cabo Verde em diversas ocasiões, fez parte da Seleção na histórica conquista da Taça Amilcar Cabral em 2000.

O maior êxito futebolístico até ao presente da seleção A dos Tubarões Azuis.

Cabo Verde, que em 1979 estreou-se na primeira edição da prova, conseguiu conquistar o título que perseguia por quase 21 anos, ao vencer a Seleção do Senegal por 1-0 no jogo da final, disputado no Estádio da Várzea.

Confirmada a retirada das quatros linhas, em Junho de 2002, no mês seguinte, julho, assumiu o cargo de Diretor Desportivo no Portimonense, cargo que ocupa até hoje.

Em duas ocasiões assumiu a equipa em fases de transição.

Percurso:
1987/1988: Académico de Viseu (IIª Divisão)
1988/1989: Académico de Viseu (Iª Divisão)
1989/1990: Penafiel (Iª Divisão)
1990/1991: União de Lamas (IIª Divisão B)
1991/1992: Oliveirense (IIª Divisão B)
1992/1993: Barreirense (IIª Divisão B)
1993/1994: Portimonense (Liga de Honra)
1994/1995: Portimonense (Liga de Honra)
1995/1996: Portimonense (IIª Divisão B)
1996/1997: Portimonense (IIª Divisão B) e Sporting de Espinho (Superliga)
1997/1998: Portimonense (IIª Divisão B)
1998/1999: Portimonense (IIª Divisão B)
1999/2000:
2000/2001: Esperança de Lagos (IIIª Divisão)
2001/2002: Esperança de Lagos (IIIª Divisão)

ADP
CrioloSports