Nascido a 2 de Maio de 1975, em São Vicente, Humberto Gomes do Rosario, conhecido por Bob, começou a jogar nas camadas jovens do  Estoril de Monte Sossego, na Ilha que o viu nascer.


O seu talento levou-lhe para o Batuque.

Do Batuque surgiu a oportunidade de dar  um salto para Portugal, através do SL Benfica, tendo representado os juniores do clube por uma época.

Com 21 anos, já nos seniores, passou a representar o Montijo da II Divisão B. Na equipa de Torres Vedras foi duas vezes melhor marcador.

Seguiu-se uma época no Torriense e mais uma no Santa Clara, ambos da II Divisão B, antes de mudar-se para o Portimonense, onde permaneceu 4 épocas, com uma metade época no Setúbal pelo meio.

Destacou-se no clube de Portimão e foi duas vezes melhor marcador.

Antes de rumar-se para o campeonato angolano, representou ainda o Operário dos Açores por uma época.

Em Angola, e com as cores da ASA, foi duas vezes campeão daquele pais africano, em 2003 e 2004.

Ainda nos 4 anos com a camisola da ASA conquistou 4 Super Taças e uma Taça de Angola.

Passou a representar mais um grande clube do campeonato angolano, o Petro de Luanda, por très épocas, sagrando-se novamente Bi-Campeão, em 2008 e 2009.

Vários títulos conquistados em Angola, que lhe permitiram viagens para uma grande parte do continente africano para defrontar as melhores equipas em jogos das  competições africanas de clubes.

Durante a sua estadia em Angola sempre foi acompanhado pelo treinador Pedroto. Filho do outro Pedroto, José Maria, o treinador mítico do FC Porto.

No total passou nove anos com o treinador, 2 anos em Portugal e 7 anos em Angola.

Um jogador polivalente, e técnico, embora tenha sido contratado como avançado, foi duas vezes considerado o melhor médio do campeonato angolado.

Quando chamado jogou como médio defensivo e médio atacante e ainda como lateral em ambos os lados.

De regresso a Cabo Verde, sagrou-se Campeão de São Vicente com o Batuque e conquistou a Taça e a Super Taça da Ilha de Monte Cara.

Chegou ás meias-finais do campeonato nacional tendo perdido o jogo da meia-final com o Sporting da Praia.

Em Pé: Hélder Cruz, José 'Zé Piguita' Barros, Simão Tavares Semedo 'Lemos', Nelson 'Tchulas' Oliveira, Celestino Mascarenhas, Mário Semedo, Doutor Fernando Almeida, Tony, Finga, Amílcar Delgado, Hermes Cruz e Manuel Antônio Mendes 'Camelo'
Sentados: José Pedro Tavares 'Loloti', Humberto Gomes do Rosário 'Bobs', Anselmo 'Jair' Ribeiro, Polidio 'Pú' Brito, Carlos 'Caló' Morais, Mister Oscar Duarte, Eduardo 'Vargas' Fernandes, Artur Jorge Vicente, Paulo Adilson Cruz 'Dixinha' e Pedro 'Bubista' Brito.

Representou a Seleção de Cabo Verde em várias ocasiões.

Fez parte da Seleção na histórica conquista da Taça Amilcar Cabral em 2000.

Cabo Verde, que em 1979 estreou-se na primeira edição da prova, conseguiu conquistar o título que perseguia por quase 21 anos, ao vencer a Seleção do Senegal por 1-0 no jogo da final, disputado no Estádio da Várzea, com golo do ponta de lança e capitão Toy de Sal.

Bob, que alinhou os 90 minutos no jogo da final, foi o autor do primeiro golo de Cabo Verde na competição. Um empate a uma bola frente a Gâmbia.

Vive atualmente em São Vicente, Cabo Verde.

ADP
CrioloSports