A equipa do Sinagoga foi despromovida à segunda divisão, em Santo Antão Norte, resultado da vitória do Paulense no protesto apresentado ao Conselho de Disciplina relativamente ao jogo da oitava jornada frente ao Santo Crucifixo.


Ao amealhar três pontos por decisão do Conselho de Disciplina (CD), o Paulense, que tinha terminado o campeonato com seis pontos, igualou os nove pontos do Sinagoga e do Beira-Mar e, a análise dos resultados dos jogos disputados pelas três equipas durante o campeonato desfavoreceu o Sinagoga agora despromovido à segunda divisão.
Na oitava jornada do campeonato regional de Santo Antão Norte a equipa do Santo Crucifixo fez alinhar o jogador Niná, que devia cumprir um jogo de castigo por excesso de cartões amarelos, e o Paulense protestou o jogo.
A decisão saiu esta segunda-feira, 09, e foi favorável ao Paulense que ganhou os três pontos em disputa nessa partida, retirados ao Santo Crucifixo que tinha vencido a partida em campo.
Numa nota de imprensa divulgada hoje, a direcção da Associação de Futebol da Região Norte de Santo Antão (AFRN-SA) citou a lei aplicada e os passos seguidos para chegar à conclusão de que o despromovido seria o Sinagoga.
A decisão do CD provocou mudança também na tabela dos melhores marcadores, atribuído a Nuno Costa, do Rosariense, com seis golos.
Inforpress